A secretaria estadual de Saúde divulgou ontem, no final da tarde, boletim epidemiológico atualizando que das 29 Unidades de Terapia Intensiva para Coronavírus no hospital regional, duas estão desocupadas, com taxa de 93,1% (estava em 86,21%). Entre os internados, 12 são moradores de Sinop e outros 15 são residentes de municípios da região.

Em Nova Mutum, no Hilda Strenger Ribeiro, não houve alteração e permanece em 90%, com dois dos 20 espaços livres. No Hospital e Maternidade Santa Rita, em Alta Floresta, são 10 leitos e seis estão com pacientes internados, taxa de 60%. Em Sorriso, onde são dois espaços, também não houve mudança e todos continuam lotados.

No Universitário Júlio Muller, em Cuiabá, são 16 leitos e três estão livres para receber pacientes (81,25%). No São Benedito, são 40 UTIs, e 11 estão disponíveis (72,5%). Na Santa Casa, há 60 leitos e 20 estão vagos, taxa de 66,67%. No Hospital e Pronto Socorro Municipal é de 47,5%, ou seja, dos 80 pactuados, 38 estão com pacientes.

Em Rondonópolis, no Regional, são 12 espaços pactuados e um está vago (91,67%). Na Santa Casa, que conta com 20 UTIs, a taxa chegou a 85%, com três vagas. No Estadual Metropolitano, em Várzea Grande, são 40 pactuados e sete estão livres (82,5).

Só Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here