Mosquito Aedes aegypti é transmissor de doenças, como a dengue — Foto: Raul Santana/Fundação Oswaldo Cruz/Divulgação

A secretaria municipal de Saúde de Vera confirmou que uma menina, idade não confirmada, morreu, hoje de madrugada, em um hospital particular de Sorriso e há suspeita que tenha sido causada por dengue hemorrágica. Ainda de acordo com a assessoria, mais informações é aguardada da equipe médica que investiga o caso.

Em Sinop, assessoria da secretaria municipal de Saúde confirmou também que uma jovem, de 18 anos, morreu, ontem, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) com suspeita de dengue. O Instituto Social Saúde Resgate à Vida (ISSRV), que faz a gestão da UPA, informou, em nota que ela foi atendida no sábado (14), passou por exames, acabou sendo medicada e “liberada com orientação médica, sem sinais de infecção”.

Na capital do Nortão é a terceira morte por dengue confirmada desde janeiro. Outro caso está sendo investigado, de acordo com o recente balanço da secretaria municipal de Saúde.

De acordo com dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), mais de 1,6 mil casos de dengue foram confirmados em Sinop até 29 do mês passado,  média superior a 27 por dia. Ao todo, houve 5.530 notificações, sendo que 3.858 foram descartadas.

Como forma de combate ao mosquito transmissor da doença, a prefeitura de Sinop tem feito uma série de frentes de trabalho. Uma delas começou ainda em janeiro, é uma força tarefa com agentes de endemias, que já percorreram 90 bairros do município. Até o fechamento do mês de fevereiro, 46.968 residências haviam sido visitadas, sendo que em 1.355 imóveis foram encontrados focos do mosquito e em 1.087 houve o tratamento com larvicida. Outros 16.774 imóveis estavam fechados. Outra ação foi o inicio da aplicação do fumacê nos bairros. Após solicitação, o governo do Estado acatou e o processo começou. Seguindo a orientação repassada, os agentes aplicam o procedimento em horários específicos, sendo das 6h às 8h e das 16h às 20h.

Autor: Só Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here