Durante visita à Sorriso nesta manhã (17), o deputado estadual Ulysses Moraes (PSL) entregou ao Prefeito Ari Lafin ofício assinado por ele que foi encaminhado ao secretário de Estado de Saúde, Gilberto Gomes de Figueiredo, solicitando remanejamento de emenda parlamentar no valor de R$ 200 mil para aquisição de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) móvel para o Município. “Só temos a agradecer ao deputado pela destinação da emenda e dizer que esta UTI móvel será muito útil para Sorriso. Precisamos unir esforços para atender as demandas da saúde neste momento tão difícil que vivemos”, diz Ari.

O documento atende a um requerimento do vereador Diogo Kriguer, solicitando apoio do parlamentar no sentido de viabilizar a demanda.

O deputado veio acompanhado do vereador de Tangará da Serra, Eduardo Sanches. Os parlamentares Diogo Kriguer, Iago Mella, Zé da Pantanal e o presidente do Legislativo, Leandro Damiani conduziram a comitiva. Os secretários Hilton Polesello (Governo) e Estevan Calvo (Administração); e o prefeito de Nova Ubiratã, Neninho da Nevada também estiveram presentes.  

Vários assuntos foram abordados no encontro, dentre eles o desenvolvimento regional e a atuação do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Econômico e Socioambiental (Cidesa). O prefeito Ari, atual presidente do Cidesa, explanou sobre o grupo de trabalho criado pelo Consórcio, que reúne representantes dos municípios de Sorriso, Sinop, Lucas do Rio Verde e Nova Mutum para a retomada das obras de duplicação da BR-163.

O gestor aproveitou a presença do parlamentar para solicitar apoio no sentido de viabilizar a retomada das obras. “Estamos com uma agenda de trabalho permanente neste sentido e estamos otimistas porque nos apresentaram um cronograma de ações que estipula o término de duplicação da rodovia até 2025. Mas, para que isso realmente aconteça, precisamos unir forças com os poderes, entidades e sociedade organizada e contamos com o apoio do nobre parlamentar e da Assembléia Legislativa para a movimentação política necessária”, disse Ari. O gestor acrescentou ainda que, com a nova empresa assumindo, em 2022 deverão iniciar as obras de duplicação no trecho que liga o Posto Gil à Sinop, com 336 km de duplicação, incluindo a construção de viadutos nas travessias urbanas. “Essa obra representará um impacto muito grande no desenvolvimento regional”, frisou.  

Da Assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here