A Prefeitura Municipal de Sorriso, através do prefeito Ari Lafin (PSDB), planeja a utilização de energia solar para o abastecimento de todas as escolas municipais durante este e o próximo ano.

O assunto foi pauta da reunião do CONDESS (Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social de Sorriso), realizado no último dia 8 de abril, na Casa dos Conselhos.

Comissão de conselheiros estudam planejamento de viabilidade para implantação de energia solar nas escolas municipais

Uma comissão de conselheiros envolvendo diversos segmentos da sociedade está realizando um estudo e um planejamento acerca de um ano e já apresenta resultados. “Analisamos e temos uma proposta muito viável onde já está sendo exemplo em Cuiabá, para a implantação de placas de energia solar nas escolas municipais. Nosso objetivo é que 100% das escolas do município passem a ser abastecidos por esta energia renovável”, declarou o Secretário Municipal de Fazenda, Sérgio Kocova da Silva, durante explanação do projeto aos conselheiros do CONDESS.

Proposta é oferecida para escolas municipais de Sorriso e visa economia na conta de energia elétrica

O tema faz parte da pauta do prefeito Ari Lafin desde o início da sua gestão, e agora parece que encontrou o seu alicerce para se tornar realidade. A energia solar vem chegando com muita força na região do estado do Mato Grosso, e em Sorriso várias empresas já estão utilizando desta alternativa para, principalmente, conseguir uma economia drástica na conta de energia elétrica.

A comissão deverá fazer uma visita “in loco” na capital do estado onde um projeto já demonstra ter seu sucesso alcançado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here