Pelo menos quatro toneladas de agrotóxico contrabandeado do Paraguai foram apreendidas por volta de meio-dia desta quinta-feira (16) em Dourados, a 233 km de Campo Grande. A carga está avaliada em R$ 5,6 milhões.

A apreensão foi feita pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) na BR-163, na saída para Campo Grande. A carga estava em uma carreta Scania vermelha, com placa de Sorriso (MT), atrelada ao semirreboque com placa de Sinop (MT).

Adilson José Birck, 44, motorista da carreta, foi preso em flagrante. Parado pelos policiais, ele disse que transportava adubo, mas demonstrou nervosismo. Quando a lona foi levantada, os PRFs encontraram os fardos de agrotóxico.

Também chamou a atenção dos policiais o histórico criminoso de Adilson. Morador em Marechal Cândido Rondon (PR), ele já tinha sido preso e condenado por tráfico de drogas. Cumpriu pena de 2011 a 2015 em São Paulo.

Adilson disse ter sido contratado por uma pessoa que não conhece por R$ 5 mil para levar a carga de agrotóxico de Mundo Novo (MS) até Sorriso, no interior de Mato Grosso.

Por Campo Grande News

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here