O corpo de Élida Cristina da Silva Fardin, de 35 anos, foi encontrado morto na tarde desta sexta-feira (23) em uma valeta, próximo do Setor Industrial em Sinop. A vítima estava desaparecida desde o dia 19 de agosto.

No dia 19, a mulher havia saído de casa para receber um valor em dinheiro de uma pessoa identificada como Leandro.

Segundo informações do marido da mulher, ele pediu para que ela fosse buscar a quantia em dinheiro que esse tal Leandro estaria devendo. O valor seria de R$30 mil. Porém a mulher não sabia quanto ela receberia no dia.

Momentos depois dela sair de casa, o marido recebeu uma mensagem de texto de sua esposa, na qual dizia que ela teria recebido a quantia de R$14 mil e também teria assinado uma nota promissória. Depois disso, a vítima não foi mais vista.

O corpo de Élida foi encontrado dentro de saco plástico, que foi jogado dentro de uma valeta. Segundo a polícia, um homem, de 41 anos, confessou ter matado a mulher enforcada. Ele está preso, porém a polícia não divulgou a identidade do mesmo.

Por GC Notícias   

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here