Os preços da soja subiram nas principais praças do país nesta quarta-feira, 27, acompanhando a alta do dólar e a leve valorização de Chicago. Mas o volume negociado seguiu limitado, envolvendo cerca de 30 mil toneladas. O produtor segue com as atenções voltadas para as lavouras, preocupado agora com o excesso de chuvas e o atraso na colheita.

Em Passo Fundo (RS), a saca de soja com 60 quilos subiu de R$ 166 para R$ 167. Na região das Missões, a cotação seguiu em R$ 165. No porto de Rio Grande, o preço avançou de R$ 166 para R$ 169.

Em Cascavel, no Paraná, o preço passou de R$ 171 para R$ 170 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca aumentou de R$ 164 para R$ 166 a saca.

Em Rondonópolis (MT), a saca subiu de R$ 153 para R$ 155. Em Dourados (MS), a cotação avançou de R$ 155 para R$ 158 a saca. Em Rio Verde (GO), a saca baixou de R$ 163 para R$ 160.

Chicago

Os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam a terça-feira, 27, com preços mistos, em dia de muita volatilidade. As primeiras posições subiram e as demais recuaram, mas encerrando perto da estabilidade.

O mercado iniciou o dia impulsionado pela boa demanda pela oleaginosa dos Estados Unidos e com o atraso na colheita no Brasil. Ao longo do dia, no entanto, esse movimento perdeu força. A aversão ao risco no financeiro e a cautela com a definição do Federal Reserve sobre a taxa básica americana ajudaram na correção, após dois dias de ganhos acentuados em Chicago.

Os contratos da soja em grão com entrega em março fecharam com alta de 4,50 centavos de dólar por libra-peso ou 0,32% a US$ 13,74 por bushel. A posição maio teve cotação de US$ 13,73 por bushel, com ganho de 3,75 centavos ou 0,27%.

Nos subprodutos, a posição março do farelo subiu US$ 0,10 ou 0,02% a US$ 436,60 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em março fecharam a 44,52 centavos de dólar, com ganho de 0,61 centavo ou 1,38%.

Câmbio

O dólar comercial encerrou a sessão em alta de 1,55%, sendo negociado a R$ 5,4060 para venda e a R$ 5,4040 para compra. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 5,3500 e a máxima de R$ 5,4190.

Autor: Agência Safras

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here