Em menos de 10 dias, a Câmara de vereadores realizou duas reuniões com a associação dos taxistas e moto-taxistas em conjunto com a Agência Reguladora (Ager) e Secretaria Municipal de Segurança pública para tratar sobre as demandas do setor. Os pontos discutidos foram a utilização de taxímetro, a taxa anual de recolhimento para Ager, expedição de alvarás, vistorias e transporte de passageiros por aplicativos.

Os vereadores ouviram as problemáticas levantadas pela classe e colocaram o Poder Legislativo a serviço das associações, no que se referir as leis e as fiscalizações. A Ager informou que irá estabelecer uma taxa de fiscalização conforme discussão com as associações com preço justo e a secretaria municipal de segurança continuará fazendo seu trabalho de fiscalização e monitoramento.

Referente ao tema mais polêmico que é o transporte de passageiros através de aplicativos, os órgãos fiscalizadores irão trabalhar em alternativas para exigir a mesma eficácia nos serviços prestados.

Todos os vereadores do parlamento participaram das reuniões e para o presidente da casa Damiani da TV, os vereadores estão fazendo o papel em se reunir com as associações para conhecer as demandas do setor e assim saber como trabalhar “ Ouvir a demanda é o primeiro passo, sabemos dos problemas que eles enfrentam com referencias aos tributos e estaremos ajudando a minimizar conforme a lei  permite as taxas tributárias tendo em vista que hoje os aplicativos de transportes é realidade e os mesmos não precisam de tantas burocracias como a classe de taxistas e moto-taxistas”, pontuou.

Da Assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here