Os interessados devem procurar a Sama, no Paço Municipal, das 7 às 12 horas ou entrar em contato pelo telefone 3545-4729.

Cerca de 60 toneladas de alimentos fresquinhos oriundos da rede de agricultura familiar de Sorriso já foram comercializados pela Central de Abastecimento e Comercialização (Ceasa) desde o início do isolamento social gerado pelo novo coronavírus SARS-COV-2 que causa a Covid-19. A informação é do secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Márcio Kuhn.

O secretário destaca que cerca de 15 toneladas foram disponibilizadas especificamente ao programa Mesa Saudável, desenvolvido pela Prefeitura Municipal por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) em um trabalho conjunto das secretarias de Agricultura e Meio Ambiente e Assistência Social. “O restante foi comercializado com a população”, diz. De acordo com os dados, são comercializadas cerca de 800 cestas mensais. Kuhn destaca que desde o início da pandemia a agricultura familiar se reinventou. “Vender as cestas foi uma novidade para todos que atuam no meio”, salienta.

O secretário lembra que devido à grande quantidade de pedidos, desde o dia 30 de março a Sama criou uma conta comercial de whatsapp para receber os pedidos de interessados nas cestas da agricultura familiar. Os pedidos podem ser feitos automaticamente pelo número (66) 99205-4306 que registra as solicitações e encaminha para o setor de entregas. Estão sendo comercializadas cestas com aproximadamente 15 quilos de alimentos pelo valor único de R$ 35,00.

“Criamos essa opção como forma de apoiar o desenvolvimento dos pequenos produtores do município. Foi uma maneira de evitar o desperdício da produção, garantir o sustento financeiro dessas famílias e também auxiliar o mercado consumidor, já que a recomendação é evitar aglomerações. Ficamos felizes que todo o trabalho desenvolvido está dando muito certo”, acrescenta.

O secretário lembra ainda que a Administração Municipal continuará cadastrando novos produtores rurais que queiram vender seus produtos desta forma. Os interessados devem procurar a Sama, no Paço Municipal, das 7 às 12 horas ou entrar em contato pelo telefone 3545-4729.

Decom – Claudia Lazarotto

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here