Mato Grosso é o maior produtor nacional de soja — Foto: Leandro J. Nascimento/G1

Dados do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) apontam que a produção de soja no estado aumentou 255% em 20 anos. Na safra 2000/2001, foram produzidas 9,6 milhões de toneladas do grão. Na última safra, esse número saltou para 32,5 milhões de toneladas.

A área plantada também acompanhou esse crescimento. Na safra 2000/2001 foram cultivados 3,1 milhões de hectares. Já na safra 2018/2019, a área plantada foi de 9,7 mil hectares de soja.

Essa produção fez com o estado alcançasse a liderança na produção nacional de soja. A estimativa é de que, nesta safra, sejam produzidas 33 milhões de toneladas da oleaginosa.

Mato Grosso deve produzir cerca de 33 milhões de toneladas de soja nesta safra — Foto: Leandro J. Nascimento/G1

Mato Grosso representa cerca 33% da produção nacional de soja.

De acordo com o presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja), Antônio Galvan, o grande entrave da agricultura mato-grossense, atualmente, é a logística. Segundo ele, o estado tem a logística mais cara do Brasil e, alguns casos, até que outros países.

“O processo de escoamento é praticamente todo feito por meio das estradas, porém as condições da malha viária e as distâncias, encarecem o frete e, consequentemente, o custo da produção para o agricultor”, destacou.

A principal porta de escoamento da soja mato-grossense é o porto de Santos.

Produção de soja evoluiu 255% nos últimos 20 anos — Foto: Leandro J. Nascimento/G1

Por G1 MT

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here