A Prefeitura deu início às negociações sobre o índice de reajuste salarial para os servidores públicos municipais ativos e inativos de Sorriso. Nesta manhã (12), o prefeito Ari Lafin e os secretários municipais Estevam Calvo, Lúcia Drechsler, Marlon Zanella reuniram-se com a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Sorriso – Sinsems, Edianinha Gheller Turra, para debater a proposta de revisão e reajuste encaminhada pelo Sinsems para 2020. Também participaram da reunião os vereadores Silvana Faccio, Bruno Delgado, Leandro Damiani, Maurício Gomes e Marisa Netto, além de demais representantes do Sinsems.

A proposta encaminhada pelo Sinsems solicita 10% de reajuste para professores e 8% para os demais servidores. Ari destacou que a solicitação do Sindicato será analisada, bem como será levado em conta itens como a receita líquida corrente de Sorriso ante a realidade econômica e financeira dos governos Estadual e Federal. O prefeito lembrou que também será analisado o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) acumulado nos últimos doze meses que  ficou em 4,48% para se pensar no reajuste.

O secretário de Administração, Estevam Calvo, destacou ainda que na comparação com janeiro de 2019 houve queda na arrecadação líquida no mesmo período deste ano. “Vamos analisar o pedido do Sindicato, mas também vamos levar em consideração os números do município, pois temos que levar em conta a responsabilidade fiscal e a preservação do equilíbrio das contas públicas”, explicou.

Segundo o prefeito, uma contraproposta será elaborada e apresentada ao Sinmens na próxima quarta-feira, 18.

Fonte: Assessoria de Imprensa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here