A AGU (Advocacia Geral da União) pediu ao ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Ricardo Lewandowski que autorize a priorização da vacinação de profissionais de segurança pública.

A ideia do governo federal é que os funcionários da segurança pública tenham a mesma prioridade de trabalhadores da saúde, que já estão sendo vacinados.

Os trabalhadores da segurança pública estão incluídos do grupo prioritário, mas aparecem no fim da lista, à frente apenas de pessoas que trabalham com o transporte de passageiros e cargas.Publicidade

O pedido da AGU é um reforço a demandas feitas pelos ministérios da Justiça, da Saúde e por governadores. O órgão pede que, pelo menos, os trabalhadores da segurança sejam vacinados na mesma etapa que presos e funcionários do sistema carcerário.

O Brasil administrou pelo menos 19.181.134 doses de vacinas contra covid-19 até 17h22 dessa 6ª feira (26.mar.2021). São 14.571.283 pessoas com a 1ª dose. Representam 6,8% da população.

A aplicação da 2ª dose, contudo, chegou apenas a 2,2% dos brasileiros: 4.609.851 receberam ambas as doses.

Os dados são do CoronavirusBot, que compila dados das secretarias estaduais de Saúde.

Autor: Poder 360

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here