Os preços da soja oscilaram entre estáveis e mais baixos nas principais praças do país nesta segunda, 10. Com a Bolsa de Chicago em leve baixa e dólar subindo pouco, os negociadores se afastaram, aguardando o relatório do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), o que  resultou em um dia quase sem operações.

Em Passo Fundo (RS), a saca de 60 quilos recuou de R$ 176,50 para R$ 175,50. Na região das Missões, a cotação  baixou de R$ 175,50 para R$ 174,50. No porto de Rio Grande, o preço passou de R$ 180,50 para R$ 179,50.

Em Cascavel, no Paraná, o preço caiu de R$ 174 para R$ 172 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca recuou de  R$ 179,50 para R$ 178.

Em Rondonópolis (MT), a saca baixou de R$ 174 para R$ 172. Em Dourados (MS), a cotação permaneceu em R$  163,50. Em Rio Verde (GO), a saca seguiu em R$ 170.

Soja em Chicago

Os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam a segunda-feira, 10, com preços em baixa. Após atingir os melhores níveis em quase nove anos na semana passada, o mercado iniciou a  semana realizando lucros, com os agentes buscando posicionamento frente ao relatório de maio do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA).

O volume de chuvas acima do esperado do final de semana, contribuindo para a evolução inicial das lavouras americanas, ajudou na correção técnica.

Ainda hoje o USDA vai divulgar o relatório sobre as condições das lavouras americanas e sobre a evolução dos  cultivos. Para o plantio da soja, o mercado espera um número de 40%. Na semana passada, a indicação ficou em  24%.

Os contratos da soja em grão com entrega em julho fecharam com baixa de 2,25 centavos de dólar por libra-peso ou  0,14% a US$ 15,87 por bushel. A posição agosto teve cotação de US$ 15,28 por bushel, com perda de 8,75 centavos  ou 0,56%.

Nos subprodutos, a posição julho do farelo subiu US$ 0,50 ou 0,11% a US$ 442,30 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em julho fecharam a 63,84 centavos de dólar, perda de 0,64 centavo ou 0,99%.

Dólar

O dólar comercial encerrou a sessão em alta de 0,07%, sendo negociado a R$ 5,2320 para venda e a R$ 5,2300 para  compra. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 5,1980 e a máxima de R$ 5,2530.

Por Agência Safras

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here