A vereadora Jane Delalibera (PL) é autora da Indicação 457/2021 que sugere à Prefeitura de Sorriso a oferta  de exame genético que detecta a trombofilia e seus respectivos tratamentos para todas as mulheres que são atendidas pela rede pública de saúde no município de Sorriso.

Trombofilia é uma condição em que o sangue tem uma maior tendência a formar coágulos, os quais podem causar problemas como a trombose venosa profunda (TVP) ou embolia pulmonar. Pode ser classificada como hereditária (genética e que pode ser transmitida de pai/mãe para filho/a) ou adquirida (que aparecem na idade adulta, decorrente de algum problema de saúde, ou até mesmo uso de anticoncepcional).

A mulher portadora de trombofilia pode desenvolver a trombose e outras alterações em qualquer período da vida. Essa condição pode em alguns casos levar episódios de abortos de repetição e complicações durante a gravidez.

 Conforme a parlamentar, essa iniciativa já é uma realidade em diversas cidades brasileiras, a exemplo de Sinop que aprovou uma lei municipal que assegura esse direito às mulheres.  “Precisamos ressaltar que a detecção tardia pode causar a morte da paciente. O diagnóstico e o tratamento precoce são essenciais, inclusive antes da gestação. Com isso, os riscos de complicações são diminuídos, em especial no final da gravidez, momento em que é comum a evolução de pré-eclâmpsias e problemas de insuficiência placentária, levando o feto a óbito”, defendeu a parlamentar que também é técnica de enfermagem.

 A indicação – subscrita pelos demais vereadores – será encaminhada às secretarias municipais competentes.

Da Assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here