A mãe Leonara Hubner foi recebida, nesta manhã (07), pelo presidente da Câmara, Leandro Damiani para apresentar a Associação Brasileira Superando a Mielomeningocele – ABSAM, uma entidade assistencial que fica localizada em Curitiba e que é voltada à representação e defesa dos direitos dos portadores de Mielomeningocele, uma doença que é o tipo mais grave da Espinha Bífida. Trata-se de uma má formação congênita que acontece durante a gestação, na qual as vértebras da coluna do bebê não se desenvolvem adequadamente deixando exposta as meninges, medula, e até alguns nervos, além de comprometimento neurológico.

Devido a gravidade da doença e com a escolha de operar o bebê ainda no útero mãe, Leonara procurou Damiani para apresentar a ABSAM e pedir apoio para que um trabalho de orientação sobre a Mielomeningocele, também seja desenvolvido em Sorriso.

“Vamos apoiar esta causa e pedir apoio também à nossa secretaria de Saúde para orientar e informar sobre a doença que quando descoberta ainda cedo, a mãe pode operar ainda como bebê no útero. Precisamos levar adiante todo tipo de informação sobre a Mielomeningocele”, declarou Damiani.

Da Assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here