Ronaldinho Gaúcho foi liberado no caso de documentos falsos no Paraguai Ricardo Moraes/Reuters - 25.8.2020

Depois de 171 dias preso no Paraguai, Ronaldinho Gaúcho voltou nesta semana ao Brasil e anunciou nesta sexta-feira (28) o lançamento de um filme sobre a sua vida.

Pelo trailer publicado nas redes sociais do ex-jogador, não é possível saber se o episódio da falsificação de documentos e suspeita de lavagem de dinheiro será retratado. “Uma fase difícil chega ao fim. Não tenho palavras para agradecer todo o carinho e apoio que recebi”, disse.

Libertados na última segunda-feira (24), Ronaldinho Gaúcho e o irmão Assis terão que pagar uma multa como ‘reparação social’. Parte do dinheiro vai ajudar Bianca, uma criança de 1 ano e 3 meses que sofre de atrofia muscular. O caso da paraguaia é  conhecido em todo país, pela luta dela contra a doença congênita.

Desta quantia, cerca de R$ 168 mil serão destinados para ajudar na campanha “Todossomosbianca”
Foto: Reprodução/Instagram

Fonte: R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here